112 presos não voltaram da “saidinha” temporária de feriado

Um levantamento da Secretaria de Administração Penitenciária mostra que 112 dos 4.383 presos beneficiados pela saída temporária na semana do feriadão de Corpus Christi na região de Campinas não retornaram às unidades prisionais de origem dentro do prazo estipulado e passaram a ser considerados foragidos.

O levantamento aponta que 2,55% do total de custodiados em regime semiaberto, beneficiados com a medida pela Justiça, não voltaram às unidades até a última segunda, dia 20 de junho. Caso eles sejam recapturados, perderam a progressão do regime. As unidades com os maiores números de foragidos foram os Centros de Progressão Penitenciária de Campinas e Hortolândia.

A saída temporária é um benefício previsto na Lei de Execuções Penais, em vigência desde 1985, e depende de autorização judicial.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.