Campinas registra aumento de 16,7% em mortes por infarto

Um levantamento realizado pelo Registro Civil de Campinas apontou que a cidade teve 384 mortes por infarto entre janeiro e maio de 2022, um aumento de 16,7% com relação ao mesmo período de 2021, que registrou 329 casos.

Segundo o levantamento, doenças cardiovasculares estão entre as patologias que mais causam mortes no país, sendo as principais infarto e Acidente Vascular Cerebral (AVC), responsáveis por altos índices de mortes e incapacitação.

O cardiômetro, indicador do número de mortes por doenças cardiovasculares criado pela Sociedade Brasileira de Cardiologia, mostra que cerca de 1,1 mil pessoas perdem a vida todos os dias com problemas de coração, o que indica cerca de 46 por hora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.