Polícia Civil deteve 17 pessoas acusadas de promover rinha de galo em São Pedro

A Polícia Civil de São Pedro deteve 17 pessoas acusadas de promover rinha de galo em uma chácara na zona rural da cidade, no bairro Palmital, e aplicou multas que no total, chegam a R$ 1,6 milhões.

A ação aconteceu no domingo e conseguiu resgatar 27 galos com vida e encontrou três mortos. Os policiais descobriram o crime após uma denúncia anônima. O local tinha “ringues” improvisados para que as brigas ocorressem, além de caixas de papelão e gaiolas onde os animais eram guardados. Segundo a Polícia Civil, boa parte dos autuados já possuíam passagens policiais por maus tratos aos animais.

Além de possíveis consequências na esfera penal, os homens também foram multados pela Polícia Ambiental. Cada um foi multado em aproximadamente R$ 99 mil por promover a rinha de galos, além de mais R$ 15 mil pela morte dos três animais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.