Primeiro ministro de Israel anuncia que vai renunciar

Há apenas um ano no poder, o primeiro-ministro de Israel, Naftali Bennett, anunciou nesta segunda-feira, dia 20 de junho, que vai renunciar ao cargo, dissolver o Parlamento e convocar novas eleições no país.

Esta será a quinta eleição em Israel, em apenas três anos. Bennett foi eleito em 2021 graças a uma aliança de oito partidos israelenses que deu fim a meses de impasse na escolha do primeiro-ministro do país. Seu chanceler, Yair Lapid, assumirá a função interinamente até as eleições para eleger um novo chefe de governo, o que deverá acontecer em outubro, segundo o governo.

As novas eleições podem permitir a volta ao poder do ex-primeiro-ministro e atual líder da oposição Benjamin Netanyahu, que comandou o país por 12 anos, até o ano passado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.