Terremoto mata quase mil pessoas no Afeganistão

Um terremoto de magnitude 6,1 matou nesta quarta-feira, dia 22, 920 pessoas no Afeganistão, segundo as autoridades de gerenciamento de desastres.

O terremoto deixou ainda mais 600 feridos, e o número de mortos deve crescer à medida em que as informações chegam de vilas remotas nas montanhas. Helicópteros foram mobilizados no esforço de resgate para chegar aos feridos e transportar suprimentos médicos e alimentos, disse Salahuddin Ayubi, autoridade do Ministério do Interior. A maioria das mortes confirmadas foi na província oriental de Paktika, onde 255 pessoas morreram e mais de 200 ficaram feridas.

De acordo com o Serviço Geológico dos Estados Unidos, o terremoto desta quarta-feira foi o mais mortal desde 2002. Ele ocorreu a cerca de 44 quilômetros da cidade de Khost, no sudeste, perto da fronteira com o Paquistão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.